Sabe de Tudo - O Blog da #ToDeCacho

Soro fisiológico no cabelo: benefícios dessa técnica e outras maneiras de manter o cabelo hidratado

Existem diversas formas de hidratar e cuidar dos cabelos e, muitas vezes, produtos simples que a gente nem imagina podem ajudar a ter madeixas mais bonitas e saudáveis. É o caso da hidratação com soro fisiológico. Sim, aplicar soro fisiológico no cabelo é uma forma eficiente e barata de hidratar os fios e, a seguir, vamos entender como essa técnica funciona!

A ação e os benefícios do soro fisiológico no cabelo

A hidratação com soro fisiológico caiu no gosto popular porque é feita com um produto bastante barato e que é muito simples de encontrar, sendo que a maioria das farmácias vendem o soro.

Apesar de não ser utilizado naturalmente para cuidados capilares, o líquido ajuda a equilibrar o PH e fechar as cutículas, colaborando no tratamento de cabelos danificados e protegendo-os de ações externas, como cloro, sal do mar e calor.  

Com isso, há uma série de benefícios do soro fisiológico no cabelo que envolvem, principalmente, o combate ao ressecamento, controle do frizz e uma hidratação mais prolongada.

Soro fisiológico no cabelo cacheado

Soro fisiológico no cabelo: benefícios dessa técnica e outras maneiras de manter o cabelo hidratado

Apesar de poder ser usado em praticamente todos os tipos de cabelo, a hidratação com soro fisiológico é uma das queridinhas das donas de cabelos cacheados.

Os cabelos cacheados são naturalmente mais secos porque a curvatura natural do fio dificulta a chegada da oleosidade da raiz até as pontas, e, por isso, os tratamentos que combatem o ressecamento e mantém o cabelo hidratado por mais tempo são ideais para as cacheadas.

Além disso, muitas cacheadas notam que a hidratação com soro fisiológico é capaz de deixar os fios mais brilhantes e macios e os cachos mais leves e soltos.

Como fazer hidratação com soro fisiológico

Existem duas formas de usar o soro fisiológico no cabelo. A primeira delas é utilizar o produto puro, como último enxágue. Depois de lavar os cabelos normalmente, para isso, basta aplicar uma boa quantidade de soro nos cabelos, retirar o excesso e secar.

Como a água do chuveiro tem elementos metálicos, utilizar o soro fisiológico no cabelo como enxágue ajuda a retirar esses resíduos, reequilibrar o PH e fechar as cutículas, encerrando o ciclo de lavagem da melhor maneira.

Também é possível utilizar o soro fisiológico como finalizador. Para isso, uma das formas mais práticas é misturar o líquido com água e colocar em um borrifador. Na hora de finalizar as mechas, borrife um pouco da mistura nos fios para cabelos mais brilhantes e com cachos soltinhos. Não precisa enxaguar.

Além disso, também dá para utilizar o soro fisiológico com algumas misturinhas, unindo algumas colheradas do produto com a sua máscara de hidratação preferida. Aí é só deixar agir por alguns minutos, conforme especificação do creme de hidratação, e lavar normalmente.

Outras técnicas semelhantes à hidratação com soro fisiológico

Soro fisiológico no cabelo: benefícios dessa técnica e outras maneiras de manter o cabelo hidratado

Existem muitas outras receitinhas de hidratações simples, baratas e feitas com produtos que você pode encontrar facilmente, ou até já tem em casa. Vamos ver na sequência algumas das mais populares para você testar!

Hidratação com vinagre de maçã: o vinagre de maçã tem uma ação bem parecida com o soro fisiológico, contribuindo para equilibrar o PH capilar e fechar as cutículas. Por isso, pode ser utilizado das mesmas formas que o soro. Além de dar brilho, a hidratação com vinagre de maçã colabora na melhora da oleosidade e limpeza do couro cabeludo.

Hidratação com água de coco: rico em óleos naturais, vitaminas e ácidos graxos, a água de coco ajuda na manutenção da flexibilidade e maciez dos cabelos. Pode ser aplicada pura nas mechas depois da lavagem. Em seguida é só enxaguar e aplicar o seu condicionador preferido.

A máscara concentrada Maria Natureza Leite de Coco, também é uma ótima alternativa para quem quer todas as propriedades do coco. Feita com a polpa da fruta e óleo de Monoi, a máscara ajuda a deixar os fios mais soltos, desembaraçados e profundamente hidratados.

Você pode ainda usar a máscara #todecacho {Meu Pudinzinho de Coco}, ideal para cabelos ondulados, cacheados, crespos e em transição. A textura que lembra a de um pudim, é ideal para penetrar nos cabelos e promover uma hidratação poderosa. Além disso, o cheirinho dessa máscara é sensacional!

Hidratação com abacate: essa é conhecida de longa data das brasileiras, mas vale a pena ser mencionada. O abacate é rico em vitaminas do complexo B, vitamina C, vitamina A e mais uma série de nutrientes que ajudam os cabelos a crescerem saudáveis e brilhantes. Além disso, a fruta é rica em óleos naturais que combatem o ressecamento capilar.

Uma opção se você não quiser fazer a misturinha em casa é usar a máscara #todecacho de abacate {Guacamole Nutritiva}, que além de conter todos os benefícios do abacate, não tem parabenos, sulfato, petrolato e nem óleo mineral, ou seja, é liberada.

Viu? Com produtinhos básicos e simples dá para fazer uma hidratação mara e em casa! Seja utilizando o soro fisiológico no cabelo ou usando outras técnicas de hidratação, o importante mesmo é cuidar do seus cabelos para que, além de lindos, eles se mantenham sempre saudáveis e cheios de vida!

#todecacho

Posts Recentes:

Posts mais acessados